terça-feira, 29 de novembro de 2016

Atleta potiguar que jogava na Chapecoense morreu na queda do avião

gil
A família do meio-campista potiguar José Gildeixon Clemente de Paiva, conhecido popularmente como Gil, confirmou a morte do atleta que estava no voo da Chapecoense que acabou caindo na madrugada desta terça-feira (29) em Medellín, quando a delegação do clube catarinense estava próxima de desembarcar na cidade para a final da Copa Sul-Americana contra o Atlético Nacional-COL. 

José Obdiedson Alves, irmão da vítima, falou em contato com o G1 como ficou sabendo da notícia: ““Uma pessoa foi socorrida ainda com vida após o acidente, mas morreu a caminho do hospital. Essa pessoa foi justamente o Gil. A última vez que ele esteve em casa, conosco, foi em dezembro, nas férias dele. Estávamos todos esperando que ele passasse o fim de ano com a gente novamente, desta vez campeão da Sulamericana. Mas, quando vem de Deus, só podemos nos conformar. Deus nos conforte”, disse. 

Gil, que faleceu aos 29 anos, iniciou a carreira na temporada de 2005 e jamais atuou por um clube do futebol potiguar. Em seu currículo estão clubes como Mogi Mirim-SP, Santa Cruz-PE, Guaratinguetá-SP, Vitória-BA, Ponte Preta-SP e Coritiba-PR.

0 comentários:

Postar um comentário

Sua postagem dependerá do Moderador do Blog.

Não publicamos comentários sem assinatura (Anônimos).

Obrigado pelo comentário. Sua ajuda faz nosso trabalho melhor.
_____________________________
Equipe do Blog do Silvério Alves

MULTICLÍNICA LAPAC

MULTICLÍNICA LAPAC

UNIFARMA BENTO

UNIFARMA BENTO

Auto Escola São Paulo

Auto Escola São Paulo

Arquivo

.

.

.

.

.

.
Tecnologia do Blogger.